Praga

Praga é uma cidade envolvida numa enorme aura mística que recebe anualmente milhares de turistas, sendo que, em 2016, foi a vigésima cidade mais visitada do mundo.

Foi apenas quando visitei recentemente a capital checa que finalmente percebi porquê todo este fascínio e admiração. A cidade é magnífica e parece que permaneceu imóvel no tempo.

A minha estadia em Praga foi de apenas 2 dias e meio, duração que considero suficiente para visitar as principais atrações. Fiquei hospedada num apartamento do Airbnb limpo e agradável, a 5min de um supermercado e da estação de metro Florenc. Para além disso, o anfitrião foi muito simpático e prestável.

Como já é habitual, vou-vos dar algumas dicas acerca do que visitar…

O meu top 10

1. Castelocatedral-s.vito.jpg

O castelo é a maior atração da cidade! Residência oficial do presidente da República Checa, este espaço é palco de muitas outras atrações, visto que a área abrangida pelas  muralhas do castelo é vasta.

Assim, aqui podemos encontrar o antigo palácio real, a imponente Catedral de S.Vito (da mesma autoria do arquiteto da Ponte Charles), o palácio Lobkowicz, a basílica e o convento de S.Jorge, a capela da Santa cruz, a encantadora Travessa Dourada, a torre Daliborka, a aterradora torre Branca e ainda, o palácio Rosenberg.

palacio-real.jpg

Facilmente se passa um dia completo no recinto devido à existência de inúmeras coisas para ver e visitar. No entanto, é importante estar atento às horas, considerando que os monumentos fecham às 17h e o jardim real às 18h (este é o horário de Primavera/Verão, podes consultar os horário aqui).

Existem diferentes packs de preços e é permitido pagar com cartão. Optámos pelo circuito B, pois incluía os principais pontos da nossa check-list.

travessa-dourada.jpg

Se não estás interessado(a) em entrar em nenhuma das atrações mencionadas, podes apenas visitar o espaço das 06h00 às 22h00, visto que a entrada no castelo é gratuita.

2. Ponte Charlesponte-charles.jpg

Esta é a ponte mais antiga de Praga, sendo que a sua construção terminou em 1402. Ao longo da ponte encontramos várias estátuas, no entanto estas estátuas são réplicas. As originais fazem parte de exposições nos museus da cidade.

Escusado será dizer que a travessia desta ponte é obrigatória!

3. Miradouro Petrinvista-petrin.jpg

Se estás à procura da melhor vista da cidade, não procures mais! O parque Petrin e o miradouro Petrin oferecem isso e muito mais…  Num dia bonito e não muito quente (já vão perceber porquê) o parque é ideal para um passeio agradável e uma breve fuga da cidade. O miradouro que se assemelha a uma miniatura da Torre Eiffel, foi construído em 1891 e é imperdível!

torre-petrin.jpg

Este observatório fica no topo de uma colina. Existe um funicular que vai até ao topo e recomendo fortemente a pessoas com problemas respiratórios ou pessoas mais velhas que não possam fazer esforços, que considerem esta opção (para isso basta tirar um bilhete normal de metro). Isto porque, a subida a pé, embora seja uma ótima experiência, é bastante cansativa, daí não ser aconselhável subir num dia muito quente.

Não existe a possibilidade de pagar com cartão, por isso lembrem-se de ter coroas checas com vocês se pretendem subir a torre Petrin e apreciar esta vista. Novamente, existe a possibilidade de apanhar um elevador ou ir de escadas, nesta situação aplica-se a recomendação que fiz anteriormente.

Consulta aqui os horários e os preços.

4. Mural John Lennonmural-john-lennon.jpg

Em tempos esta parede representou uma homenagem a John Lennon. Atualmente, o grafitti original de John Lennon já não é visível, pois a parede continua em constante mutação, ainda sendo permitido “retocar” este mural que num símbolo universal de paz e criatividade.

5. Casa Dançantecasa-dançante.jpg

É impossível ficar indiferente a este magnífico prédio que mais parece saído de um programa de desenhos animados. Foi denominado de “Casa Dançante”, pois faz lembrar 1 par de enérgicos bailarinos e foi projectada pelo arquiteto Lado Milunić, em parceria com o arquiteto Frank Gehry. A sua construção terminou no ano de 1996, ano em que nasci e mais uma das razões para adorar este edifício. Pela sua originalidade e irreverência vale a pena visitar.

6. Relógio Astronómicorelógio-astronómico.jpg

O fantástico Relógio Astronómico localizado na Praça Velha, capta a atenção de todos os que por aqui passeiam, sobretudo ao assinalar a mudança de hora, momento no qual as esculturas dos apóstolos se movem.

Tal como o próprio nome indica, este relógio fornece informações astronómicas, tais como a posição relativa da Lua, do Sol e de algumas constelações e planetas.

Se estiverem interessados podem subir à torre do relógio. Preços e horários aqui.

7. Loretoloreto.jpg

O Loreto é um dos maiores centros de peregrinação de Praga. Foi fundado em 1626 e, durante décadas, serviu de abrigo para os peregrinos. Hoje em dia, é mais um dos pontos turísticos desta cidade, onde podemos apreciar uma vasta coleção de trajes eclesiásticos, bem como uma alguns objetos religiosos, inclusive o famoso Diamond Monstrance, de finais do século XVII, que contém 6.222 diamantes cravados.

Aceitam cartão e podes ver mais informações de preços e horários aqui.

8. Biblioteca Strahovstrahov-library.jpg

Gostaria de ter visitado a biblioteca do Clementinum, no entanto estava encerrada para obras. Deste modo, acabámos por visitar outra biblioteca, localizada dentro do Mosteiro Strahov que se revelou uma excelente opção, tendo em conta as óbvias semelhanças entre ambas.

strahov-monastery

Existem 2 salas, a sala teológica e a sala filosófica, que como podem ver pelas fotografias têm estilos completamente diferentes, mas cada uma é especial à sua maneira.

Atenção que não aceitam cartão como forma de pagamento e existe um custo adicional para quem pretende tirar fotos. Preços e horários aqui.

9. Powder Towerpowder-tower.jpg

Esta torre do estilo gótico constitui uma das 13 passagens de acesso à Cidade Velha. A sua construção iniciou-se em 1475 e as suas características foram inspirada na Ponte Charles.

10. Passear pela Cidade Velhablogger-na-cidade-velha-praga.jpg

Tive a sorte de estar a decorrer uma feirinha da Páscoa quando visitei a cidade. A Praça da Cidade Velha enchia-se de cores e sabores chamativos e convidativos, embelezando ainda mais o local.

Aqui podemos encontrar a Igreja de Nossa Senhora de Tyn; o relógio astronómico (mencionado anteriormente); a Igreja de S. Nicolau; entre outros…

Para além disso, a poucos minutos de distância da praça encontramos o Bairro Judaico, onde podemos visitar o famoso cemitério judaico e a sinagoga, sendo também nesta zona que várias lojas de luxo marcam a sua presença.

Existem muitos outros belos edifícios que valem a pena espreitar, como o Teatro Nacional e a Câmara Municipal.

Por último e em tom de curiosidade, visitei a rua mais estreita de Praga

rua-estreita-praga.jpg

É relevante mencionar que em Praga os descontos de estudante são consideráveis e é de facto de aproveitar.

Durante esta viagem tive ainda a oportunidade de provar o melhor hamburger que alguma vez já comi, num restaurante chamado The Streetaconselho-vos vivamente a experimentarem! Para além disso, provei dois pratos tradicionais no restaurante Černá Madona situado na cidade velha.

Mas, falando agora dos aspetos menos positivos, no metro de Praga as máquinas são muito antigas e apenas aceitam moedas, sim, leram bem, só moedas! Ou seja, para conseguir comprar um passe diário ou semanal um turista teria de ter um stock imenso de moedas checas consigo. Ora, isto não é nada prático e até chega a ser ridículo acontecer num dos maiores destinos turísticos do mundo… Felizmente, existe a opção de comprar bilhetes de metro nas tabacarias / pay-shops locais, ainda assim este é um dos aspetos que precisam de ser melhorados.

Infelizmente não é o pior! Estejam muito atentos às casas de câmbio e às taxas que elas praticam, não troquem dinheiro em qualquer lado. O ideal é já levar dinheiro suficiente trocado de Portugal ou, em último recurso trocar no aeroporto, dado que existem vários esquemas em curso para sacar dinheiro aos turistas. Inclusive pessoas que trocam dinheiro falso, este é o caso mais extremo de pessoas que trocam dinheiro na rua. Ainda assim, muitas casas de câmbio praticam taxas sem sentido. Portanto, para evitar serem burlados não se esqueçam que 1 EUR corresponde aproximadamente a 26 CZK.

São estes defeitos que não fazem de Praga um destino ainda melhor. Apesar disto, a minha experiência global na cidade foi bastante positiva e recomendo. Tenham apenas cuidado com os tópicos mencionados e a vossa visita será memorável.

Boa viagem! 🙂

Advertisements

2 Replies to “Praga”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s